COORDENAÇÃO GERAL DE GESTÃO ESTRATÉGICA, MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO - NEAD

A Coordenação-Geral de Gestão Estratégica, Monitoramento e Avaliação (CGMA), surgiu em 1997 como Núcleo de Estudos Agrários e Desenvolvimento Rural (NEAD) para atuar na pesquisa, avaliação, monitoramento e aperfeiçoamento das políticas públicas de desenvolvimento rural. Sua atuação, dentro da estrutura atual da Sead, tem como base uma agenda política que visa ampliar, cada vez mais, o reconhecimento social da agricultura familiar e do acesso à terra, bem como o fortalecimento das suas estratégias de desenvolvimento econômico e social. Nessa perspectiva, busca democratizar o acesso às informações, atuando ainda no monitoramento e avaliação das políticas públicas para o campo, gerando subsídios para uma gestão estratégica.
organograma

NEAD na estrutura organizacional da SEAD - 2017 (clique para ampliar)

Dados e informações estratégicas
Na atual estrutura, a Coordenação incorpora atribuições de gestão de informações da Sead, trabalhando em subsídios para a agenda política desenvolvida, através da consolidação de dados e informações-chave em formatos específicos como fichas, painéis, relatórios direcionados, e mapas temáticos sobre as políticas do órgão. Atua ainda no desenvolvimento e gestão de duas ferramentas criadas para monitorar e avaliar as políticas públicas do órgão: O Sistema de Monitoramento e Gestão (Simog) que reúne os resultados e avanços das políticas dentro dos programas estruturantes do Planejamento Estratégico em vigor; e o Painel de Políticas que reúne dados das políticas públicas da Sead, com atualizações periódicas pelas áreas responsáveis e recorte por estado e município. A CGMA responde também a demandas pontuais e periódicas de documentos à órgãos de controle, balanços, relatórios oficiais, entre outras solicitações não-regulares. Para isso, conta com uma equipe direcionada para análises estatísticas e conjunturais produzindo insumos para formulação de política pública sobre questões afetas à agricultura familiar e à política nacional de desenvolvimento rural.
Estudos e pesquisas
A criação de uma memória e um acervo para pesquisa sobre o acesso à terra, agricultura familiar e desenvolvimento rural sustentável integra o histórico de atuação da CGMA, garantindo assim o acesso às informações e experiências por meio das publicações disponíveis no portal para download. Nesse âmbito, promove também, desde sua criação, estudos e pesquisas sobre temáticas de acesso à terra, agricultura familiar, políticas agrícolas, transgênicos, juventude rural, mulheres rurais, comunidades tradicionais, e demais aspectos sociais, políticos e econômicos ligados ao desenvolvimento rural sustentável. Através das linhas editoriais com o selo NEAD, a área já produziu, publicou e apoiou mais de 125 publicações.